domingo, 5 de maio de 2013

DOCUMENTÁRIO: «Mistaken for Strangers» de Tom Berninger - Porque é que o sucesso pode estar tão mal distribuído?


Há muito tempo que o rock não é propriamente a onda em que ando a surfar pelo mundo dos sons. Se ainda guardo alguma nostalgia pelo tempo em que, nos anos 70 e 80, ele ainda me dizia alguma coisa, vim-me transferindo progressivamente para outras margens, que tanto se podem situar  nos parâmetros da música erudita, como da genericamente classificada como world music.
Isto significa que não me interessam os documentários sobre grupos de rock e, por isso mesmo, Mistaken for Strangers de Tom Berninger não mereceria qualquer atenção se se limitasse ao que sobre ele proclamava a publicidade: um filme sobre uma tournée com os The National.
Mas quando compreendemos que se trata de outra coisa completamente diferente - o relacionamento complicado entre dois irmãos, um mais velho e muito reconhecido no seu valor de vocalista da banda, o outro, mais novo, e sempre a falhar nos seus projetos de rodar filmes - o caso muda de figura. Porque o documentário, estreado a 17 de abril no Festival Tribeca (Nova Iorque), trata da questão de se saber, porque é tão mal distribuído o talento e/ou o sucesso dentro da mesma estrutura familiar.
A partir daí são-nos prometidas muitas tensões e emoções, que acabam por envolver os quatro outros elementos do grupo de rock à medida que a rodagem vai fluindo ao mesmo tempo que a digressão do grupo em 2010.
Com tais condimentos, Mistaken for Strangers acaba por se revelar bem mais prometedor do que, de início, se presumiria...


Sem comentários:

Publicar um comentário