sábado, 16 de março de 2019

Dormir bem é condição fundamental para potenciar a nossa lucidez


Dormimos cada vez menos, sendo raros os que conseguem dormir oito horas seguidas.
O capitalismo encontrou uma renovada forma de se perenizar ao captar-nos a atenção para as redes sociais, que nos prendem a atenção submetendo-nos a um comportamento passivo perante mensagens manipuladoras. Nem precisam de recorrer às fake news para induzirem valores e preconceitos quantas vezes associados a uma cultura retrógrada, que julgávamos superada.
Privando-nos do desejável distanciamento entre a mensagem e a sua absorção crítica, esse novo tipo de conduta desabitua-nos dos hábitos de reflexão, que permitiriam uma vigilância criteriosa sobre as informações, que pressupõe transmitir.
Dormir bem para facilitar a lucidez dos neurónios e recuperar o tempo de qualidade dedicado à meditação constitui uma boa estratégia para frustrar os intentos de um sistema de organização económica e social, que já dura há tempo demais.

Sem comentários:

Publicar um comentário