sábado, 23 de abril de 2016

São hienas e atacam em grupo

As hienas são animais feios, cobardes por natureza, que conseguem prevalecer através dos ataques em grupo contra as suas presas. Ladras por natureza, até tratam de andar à coca relativamente à caça das leoas para as espoliarem do alimento por elas trabalhosamente conseguido para as suas crias.
Por esta altura já o incauto leitor anda a pensar que ando a querer substituir o já provecto David Attenborough, mas está enganado: tendo a televisão acesa, mas com o som cortado para não me afetar a inspiração, vi passar nela uma imagem do Montenegro a rir-se na primeira fila da bancada laranja e foi inevitavelmente associar essa expressão a uma velha anedota de Juca Chaves: «Ri de quê?».
É que o «Público» trouxe ontem uma elucidativa revelação a respeito da estratégia do PSD em fazer fogo sobre Mário Centeno, por ser essa a forma de desviar as atenções sobre as suas reais responsabilidades no Banif.
Dificilmente se livrará do ónus causado aos contribuintes pela forma negligente, senão mesmo criminosa, como Maria Luís Albuquerque foi empurrando o imbróglio para as calendas para que não fosse posta em causa a “saída limpa” da troika. Mas se a atenção passar a focar-se na questão de  Centeno ter ou não mentido (e todos quantos viram as imagens constatam, que isso não sucedeu! ) à Comissão Parlamentar nem que para tal se conte com a cumplicidade de Joana Marques Vidal, não sobram dúvidas sobre a escandalosa falta de escrúpulos de Marques Guedes e Cª.
Mário Centeno irá sofrer as passas do Algarve nas próximas semanas, porque outras hienas estão a atacar ao mesmo tempo: alguma vez se pode acreditar ter sido uma gaffe a substituição da sua fotografia numa publicação do Eurogrupo pela do tinhoso da SIC? E será coincidência a “notícia” do “Expresso” sobre o irmão de Centeno, que integra outra matilha igualmente ruidosa de hienas comandada pela execrável Teodora Cardoso?
Vale-nos que Mário Centeno tem mostrado ter estofo para tudo isso e muito mais, por muito que as olheiras se nos afigurem algumas vezes demasiado vincadas.
Nestes como noutros casos, que agitem estas hienas, a caravana passa enquanto elas dão as suas características risadas. O problema é que elas têm estômagos bastante coriáceos, capazes de deglutir os piores (dis)sabores. Por isso, apesar de sucessivos êxitos do governo, elas continuarão a atacar insistentemente sempre que possam … mesmo rindo cada vez mais sozinhas para si próprias!

5 comentários:

  1. Melhor do que hienas, não era possível.

    ResponderEliminar
  2. Muito bem visto, as hienas são mesmo nojentas tive oportunidade de as ver
    em acção em directo! Não há dúvida que a estratégia dos passolos é tentar
    cercar Mário Centeno na vã tentativa de o derrubar ... com tanta roubalheira
    à solta o Ministério Público até parece querer entra na anedota!!!

    ResponderEliminar
  3. O Dr Coelho e os seus homens cuidaram de deixar dispersos em lugares chave os seus homens e mulheres de mão. Ele ainda pensa que e age como se estivesse ao comando dos destinos do país eles e elas fazem o trabalho sujo de que foram incumbidos.

    ResponderEliminar
  4. Comentário bem delineado e esclarecedor!

    ResponderEliminar
  5. HÁ MUITOS BADAMECOS QUE ANDAM POR AÍ, MUITO PIORES DO QUE AS HIENAS. UNS AUTÊNTICOS ABUTRES.

    ResponderEliminar