sexta-feira, 4 de setembro de 2015

O que a montanha vai parir

A notícia da saída de José Sócrates do Estabelecimento Prisional de Évora constitui uma boa notícia, que não deve ser contaminada com aquelas elucubrações da direita a respeito de quanto ela prejudicará, ou não, o Partido Socialista para as eleições, que decorrerão de hoje a um mês.
O que está em questão é continuarmos sem saber os argumentos pelos quais se teve um ex-primeiro-ministro preso durante mais de nove meses, recusando-se-lhe o mais elementar direito à presunção de inocência. Pergunta que terá de ser bem explicada, e assumida nas respetivas responsabilidades, para que não nos voltemos a confrontar com esta aparência de impunidade dos magistrados e juízes em relação à prepotência das suas decisões infundamentadas.
Mas ainda há que manifestar o nosso agrado por, desta feita, carlos alexandre nem sequer ter colocado a possibilidade de pulseira eletrónica, sabendo de antemão qual seria a resposta de José Sócrates sobre tal possibilidade.
Estando quase a concluírem-se os prazos para que seja ou não lavrada acusação, continuo a acreditar que toda a Operação Marquês saldar-se-á numa enorme montanha, incapaz de parir o mínimo roedor...

3 comentários:

  1. Na minha opinião, a saída de Sócrates da prisão não vai ser prejudicial o PS, dado que quem apoia José Sócrates, vai, agora, estar presente na campanha de corpo e alma,

    ResponderEliminar
  2. Investigação a Sócrates
    "Pelo menos parece existir uma linha de investigação com boas perspectivas de resultados no que respeita ao Parque Escolar: suspeita-se que o Sócrates, enquanto jovem estudante, partiu um vidro de uma janela da escola com uma bolada e não informou que tinha sido ele. Suspeita-se também que, numa das vezes em que se foi aliviar à casa de banho, não descarregou o autoclismo...É possível mesmo que, neste tipo de "crime" tenha havido reincidência. O Correio da Manha está a fazer uma investigação "jornalística" aprofundada e mexe em toda a merda à procura de provas. Este trabalho investigatório está a ser feito em parceria com o MP. Dada a experiência do Correio da Manha em mexer com merdas e em merdas, espera-se que finalmente encontrem qualquer merda que dê para incriminar o JS e que justifique os largos meses de prisão preventiva...".Por: António Anastácio
    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2014/07/a-maior-cabala-e-mentira-depois-de-74.html
    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2015/06/a-maior-cabala-e-mentira-depois-de-74-ii.html

    ResponderEliminar